Um site para quem precisa da Verdade
PREGAÇÕES

O dia da ressurreição de Cristo


Mauro Clark - 01/04/2018
70 minutos





O dia da ressurreição de Cristo

 

A ressurreição de Cristo é o evento mais importante da história da humanidade.

Vamos agora fazer uma viagem ao passado e vivenciar aquele maravilhoso dia.

Juntando os relatos dos 4 Evangelhos, vejamos, dentro do possível, o que deve ter acontecido, passo a passo. Para entender o contexto:

Lc 23.55-56; Mt 27.62-66: na 6ª feira, as mulheres prepararam perfumes e descansaram no Sábado. Enquanto isso, um forte esquema de segurança é montado no sepulcro.

Mt 28.2-4: num terremoto um anjo desce do céu, rola a pedra e senta nela. Lucas e João  falam em dois anjos, talvez o outro chegou depois. Os guardas desmaiaram de medo.


Mc 16.1-4

Algumas mulheres (Maria Madalena, Maria (mãe de Tiago), Joana, Salomé e outras,

vão ao túmulo e vêem a pedra removida. Neste ponto, Maria Madalena deixa o grupo.


Jo 20.1-2 (focalizando em Maria Madalena)

Maria deixa o grupo e vai a Pedro e João e diz que roubaram o corpo.

Tiraram do sepulcro o Senhor: fé de Maria Madalena: apesar de morto, aparentemente derrotado e agora até desaparecido, Jesus ainda era o Senhor dela!

Quando Cristo se apossa do coração de alguém, não há quem o tire de lá.


Lc 24.2-8

Diálogo dos anjos com as mulheres (sem Maria).

Por que buscais entre os mortos o que vive?: É como se dissessem:

“Vocês pensam que o Senhor de vocês iria ficar para sempre entre os mortos? Pensam que Ele foi derrotado por aquele que queria vê-Lo fora do seu caminho? Negativo. Ele já passou 3 dias morto e isso é até demais para Aquele que criou a vida. Ele já mudou de categoria novamente. Abandonou o reino dos mortos, e voltou para os vivos.


Que pergunta desconcertante! Bem que ela poderia ser dirigida para muitos, hoje.

* Buscam o Senhor Jesus no meio de ídolos que não são nada.

* Pensam em Jesus mais como morto do que vivo.

Meu amigo, se você quer a Jesus, busque-O lá no céu, onde Ele vive.

Converse com Ele, confesse diretamente a Ele os seus pecados, peça a Ele, relacione-se

com Ele, como um Ser vivo e poderoso que é.


Mc 16.8

As mulheres deixam o sepulcro, mas por enquanto, com medo, não dizem aos discípulos.


Jo 20.3-10

Pedro e João vão ao sepulcro. Os anjos não aparecem a eles.

João é prudente e meio temeroso. Pedro, como sempre, arrojado e impulsivo.


v.8: João viu e creu: talvez os panos estivessem arrumados como se Jesus ainda

estivesse lá. Naquele momento João foi iluminado e entendeu que Jesus ressuscitara, não que havia sido roubado.

Todos os outros viram Jesus ressurreto e creram. João creu para depois ver.


Jo 20.11-13

Depois de avisar Pedro e João, Maria retorna ao túmulo, chegando depois deles.

Estava triste: ou não havia pensado na idéia da ressurreição (no caso de não haver encontrado com João no túmulo), ou não crera no que ele lhe dissera antes de ir embora.

Os anjos lhe perguntam e ela responde que chorava porque haviam levado o Senhor dela e não sabia para onde.


Jo 20.14-18

NESSE PONTO JESUS APARECE PELA 1a. VEZ.

Um dos pontos altos da história: diálogo de Maria Madalena com Jesus.

Jesus lhe dirige apenas uma palavra: “Maria!” E ela O reconhece: “Mestre!”

Dá inveja de Maria, não é? Que encontro sublime!

Que maneira toda especial de ouvir o próprio nome pronunciado pelo Senhor ressurreto!


Mas não precisamos ter inveja. Também somos conhecidos por Jesus pelo nosso próprio nome: Jo 10.3, 14, 27


v.17: Não me detenhas; porque ainda não subi para meu Pai

Talvez Maria quis abraçá-Lo, ou segurá-Lo, na ânsia de não perdê-Lo de novo.

Difícil significado. Talvez o sentido seja: “Não me detenha, pois ainda tenho o que fazer. E mesmo assim, depois não será mais como antes, pois subirei para o meu Pai”.

É como se Jesus estivesse anunciando um novo tempo, uma nova fase em que Ele não estaria mais fisicamente com os discípulos, mas voltaria para o céu.


Subo para meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus:

É significativo que Jesus não falou “nosso Pai e nosso Deus.

Havia diferença no relacionamento entre Ele o Pai e entre os discípulos e o Pai.


Jesus dá uma missão a Maria: vai e dize-lhes.

Vemos aqui um RESUMO do que Jesus deseja de todo o que crê na Sua ressurreição e O enxerga com os olhos da fé: estar pronto para ir e anunciar o que viu nEle!


Mt 28.8-10

Parece que as mulheres que saíram para avisar voltaram, por algum motivo. Talvez não tiveram coragem de falar com eles.

Agora Jesus aparece às outras mulheres, em algum lugar (2a. manifestação), anima-as e manda que avisem aos outros que fossem para a Galileia.


Lc 24.33-35

Aqui apenas o relato de que Jesus aparecera a Pedro (3a. manifestação).

Não se sabe a que horas nem onde.


Mc 16.12-13

Jesus aparece aos 2 discípulos no caminho de Emaús . (4a. manifestação)


Lc 24.36-43 e Jo 20.19-21

Aparece aos apóstolos (exceto Tomé) e talvez a outros. (5a. e última manifestação naquele dia).

Reação dos discípulos: espantados, atemorizados, sem acreditar, alegres, admirados.


Observe a primeira coisa que Ele disse ao grupo todo reunido: Paz seja convosco

Ah, como aqueles pobres homens precisavam de paz!

Estavam tristes, abatidos, confusos, aflitos, humilhados, decepcionados, frustrados.

Soprou sobre eles para receberem o Espírito Santo e lhes deu autoridade como igreja.

E assim termina, pelos registros bíblicos, aquele maravilhoso dia.


Duas coisas:

1) Sejamos ativos em ir e anunciar ao mundo que Jesus ressuscitou, vive e salva todo aquele que nEle crê. Diga isso com gozo e autoridade: afinal você viu Jesus pela fé!


2) Jesus nos quer em paz! Que nossas angústias tenham ficado para quando não O tínhamos, quando éramos perdidos.

Não faça se perturbe muito por causa das suas tristezas. Faça-as menores. Elas são passageiras. Peça paz a Cristo e Ele lhe dará.


Seria excelente se cada pessoa ao seu redor VISSE em você um testemunho de quem vive em PAZ e OUVISSE dos seus lábios:

“Amigo, o Senhor Jesus ressuscitou! Faça disso algo significativo na sua vida!”

Que Deus nos abençoe. Amém



Ministério Falando de Cristo
"... pregamos a Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus." (1 Co 1.24b)
Copyright 2004-2012. Todos os direitos reservados. http://www.falandodecristo.com